Club de
Marechal Cândido Rondon

Projeto Anjo Gabriel

Postado em: 06/03/2018 por

Área de enfoque
SM
Introdução

O projeto Anjo Gabriel, fundado em 01 de julho de 2015, tem como objetivo atender adolescentes grávidas em situação de vulnerabilidade pertencentes à comunidade Vila Braz. Desde sua fundação até os dias atuais o projeto vem se desenvolvendo nas dependências do Centro de Pastoral da Capela Nossa Senhora das Graças localizada na avenida Araucária, 294, bairro Jardim Duarte.

Os trabalhos desenvolvidos no projeto ocorrem em encontros semanais, de segunda à quinta-feira, das 13:30 às 17:30 horas.

Desde sua criação já foram atendidas 92 gestantes com a média de idade variada, de 13 a 30 anos, predominando a faixa etária de adolescentes, com o nascimento de 96 crianças.

As atividades realizadas todas as terças-feiras nos encontros são oficinas de confecção do enxoval (petch colagem, fuxico e crochê.

Com recursos do Programa Força Voluntária da ITAIPU, está sendo realizada uma oficina de corte e costura de segunda à quinta-feira, das 13:30 às 17:30 com 15 mulheres da comunidade. O objetivo é oferecer uma oportunidade de qualificação profissional.

São feitas várias palestras e capacitações no intuito de trabalhar questões relacionadas a cidadania, higiene pessoal, alimentação saudável, saúde pessoal, geração de renda, dentre outras.

Os recursos utilizados durantes as atividades são adquiridos através de doações de voluntários sendo: carrinhos para bebês, brinquedos, retalhos de tecidos, linhas, agulhas, tesouras, botões, fitas adesivas, canetas e produtos de beleza. Em todos os encontros é servido aos participantes e acompanhantes, uma refeição (lanche) com alimentos oriundos de doação, sendo uma média de 30 pessoas por encontro.

Atualmente o projeto conta com uma equipe de 08 (oito) voluntárias para o atendimento de 15 (quinze) gestantes normalmente acompanhadas de filhos menores, os quais são atendidos na brinquedoteca e atividades pedagógicas.

É servido um lanche diariamente às gestantes que participam do projeto. O lanche é doado por empresas e pessoas da região.

A maioria das gestantes não pertencem a igreja católica, mas a espiritualidade é uma das atividades realizadas no projeto a fim de fortalecer os laços de fraternidade, família e vida em comunidade.

As gestantes fabricam o seu próprio enxoval e o excedente é vendido e trocado por fraudas para os bebês. Algumas tem demonstrado excelentes habilidades artesanais.

A estrutura física do projeto precisa de uma série de melhorias. A própria cozinha está em situação precária, além do intenso calor que faz no interior do barracão.

 

Quem

Rotary Club de Foz do Iguaçu - Harpia

Cáritas da Diocese de Foz do Iguaçu

Paróquia Nossa Senhora de Fátima

Itaipu Binacional

Furnas

O quê

Curso de Corte e Costura 

Onde

Centro Pastoral da Capela Nossa Senhora das Graças

Quando

Outubro, novembro e dezembro de 2017.

Pessoas Beneficiadas
200


 
Reuniões Quartas-Feiras | 20:30
Rua Paraná,5032